21 de março de 2018

COMO RASTREAR CELULAR PERDIDO

Você sabia que existem diversas maneiras de rastrear a localização de onde está o seu aparelho?  

A seguir apresentamos três formas simples de fazer isso em dispositivos Android e iOS.
USANDO O SISTEMA OPERACIONAL:
O próprio sistema operacional já oferece esse serviço, tanto o iOS quanto o Android.
No Android, você deve ativar nas configurações na parte de segurança, informando que você quer localizar remotamente seu Android. Quando acontecer a perda ou o furto, você pode localizar o smartphone acessando a página de rastreador de dispositivos no Android. Além de rastrear, você pode fazer o aparelho tocar um som, pode bloqueá-lo ou até mesmo limpar todo conteúdo dele.
Já no iOS, para ativar o recurso, você deve entrar em ajustes, acessar o ID Apple, selecionar o aparelho que está ativo na conta e, por fim,  clicar em “buscar iPhone”. Para achar o aparelho é só entrar no site do iCloud e clicar em “buscar iPhone”.
USANDO UM ANTIVÍRUS:
Para Android, boa parte dos antivírus possui essa função adicional. Além dela, eles ainda possuem proteção contra malware, o que é muito importante.
No iOS não existem antivírus. Contudo, alguns apps de segurança, como o app do Norton, fazem o trabalho desses aplicativos de busca.
USANDO UM APP ESPECIALIZADO:
Existem apps especializados nessas funções, tanto no Android como no iOS. Um dos mais famosos é o “Device Locator”. Ele é pago, mas vale a pena por ser mais completo que seus concorrentes gratuitos. Além da função de rastreamento, o Device Locator é capaz de, por meio da câmera frontal, tirar uma foto da pessoa que esteja utilizando o seu aparelho e enviar o conteúdo para você sem que ela saiba.
Vale lembrar que é muito importante que o usuário siga algumas medidas de segurança para que não tenha seus dados acessados, em caso de perda ou roubo. São elas:
• É imprescindível um desbloqueio de tela. O melhor de todos é o desbloqueio por digital. Caso o seu aparelho não possua esta opção, prefira a senha alfanumérica e evite ao máximo o desbloqueio padrão do Android, aquele que é feito por linhas.
• Utilize um antivírus confiável no celular. Ele será o responsável por proteger seu dispositivo contra alguns ataques, como acessos forçados via malware, por exemplo.
• Evite que mensagens possam aparecer na tela do celular ou notificações de outros apps antes do desbloqueio.
• Anote o numero do IMEI do aparelho que se encontra na caixa. No iOS, ele aparece em Ajustes > Geral > IMEI. Já no Android, a informação está disponível em Configurar > Sobre o telefone > Informações do IMEI ou discando o número universal *#06*. Com o número do IMEI, o consumidor deve comunicar o ocorrido para que sua operadora tome as providências cabíveis.
Extraído de: sosconsumidor.com.br - Fonte: proteste.org.br – Por: Nicola Pamplona

Nenhum comentário:

PUBLICAÇÕES MAIS ACESSADAS

CONSULTORIA E ASSESSORIA JURÍDICA PERSONALIZADA

SERVIÇOS & CONSULTAS

PROCONS ESTADUAIS

AGÊNCIAS REGULADORAS



DEFESA DO CONSUMIDOR

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL